Aprenda a fazer a coleta seletiva


Apesar da informação sobre a coleta seletiva ser bem clara, ela só chega a 30% da população. Ou seja, de que adianta falar, falar e falar se ela não chegar a todas as pessoas?  Mas também, pra que ela deveria chegar a todas as pessoas se quase ninguém separa o lixo e se importa com ele?


Que tal mudarmos isso e começarmos hoje mesmo? Talvez assim a coleta chegue até um maior número de casas e todos nós poderemos fazer um bem maior ao nosso planeta, mesmo sendo com pequenas atitudes.

Esse vídeo é de Daniella Clark, da G1 no Rio, e explica como a seleção dos materiais deve ser feita. A reportagem mostra também alguns objetos muito originais que podem ser desenvolvidos a partir da reciclagem.

Deixe um comentário